domingo, 22 de outubro de 2017



Alegria intrínseca, felicidade  intensa;

             Prazer suave,  satisfação profunda;

Prazer e dor,  gangorra vertiginosa dos  incômodos banais, carnais, cotidianos,

Liberdade é  vibrar  em sintonia com a lei celestial,

Serenidade e plenitude

Reconhecimento do divino no ser

Contentamento de  saber  querer

Vontade

Caminho

Luz

Ascenção

(Por Adriana Pinho Gomes)

domingo, 20 de agosto de 2017



Não se apresse em condenar

Não há culpados nessa trama cujo autor é a projeção fantasiosa

Não se apresse em julgar

Porque o mundo dá voltas e nessas voltas que o mundo dá tudo pode mudar

Sombras se transformam em imagens bem delineadas

Formas se esvanecem na imaginação

O que era invisível torna-se claro

Reticencias transforma-se em  flechas certeiras

Absolva-se do triste destino de sentenciar a si mesmo e ao próximo

Não se deixe aprisionar pela culpa

Se dê a chance de seguir em frente

Confie no fluxo da vida

Na certeza de que tudo já é como deve ser

Se Deixe florescer

E tudo pode vir a ser pelo seu querer

Adriana Pinho Gomes






terça-feira, 16 de maio de 2017

“Posso imaginar muitas coisas, imaginar que meu maior desejo seria chegar ao Polo Norte ou algo semelhante; mas só poderei querer isso com suficiente intensidade e realizar esse desejo quando ele realmente existir em mim e todo o meu ser se achar penetrado por ele. Quando isso acontece, quando intentas algo que te é ordenado de dentro do teu próprio ser, acabas por consegui-lo e podes atrelar tua vontade como se fosse um animal de tração”.
(Passagem do livro Demian de Herman Hesse, pg. 69 da Editora Record)

sexta-feira, 5 de maio de 2017